sábado, 30 de novembro de 2013

NÃO SEJA UM PESSIMISTA!



Descobrimos dois pontos que nos ajudam a permanecer em atitude de louvor.
Primeiro, é melhor louvar do que entrar em pânico; segundo, é preferível louvar a pensar nos problemas. Eis meu último ponto sobre isso: é melhor louvar do que ser pessimista.

Conhece algum pessimista?
Para ele, tudo tem um lado ruim; ele não espera que as coisas boas aconteçam em sua vida. Isto ér apenas uma brincadeira, mas, certa vez, alguém disse que, se precisar pedir dinheiro emprestado, peça-o a um pessimista, porque ele não espera que você o devolva!

Afirmei que era apenas uma piada. É claro que é esperado que você pague suas dívidas, não interessa de quem tenha pegado emprestado. No entanto, a questão é: um pessimista sempre olha tudo de maneira negativa e espera que o pior ocorra.

A verdade é que não pode manter seu foco em Deus e esperar o pior! Quando se concentra no Altíssimo e em Sua Palavra, você fala sobre os assuntos relacionados a Deus, Seu poder e Sua bondade; logo, sua perspectiva muda.

Parece que alguns são reclamadores e murmuradores naturais. Essas pessoas encontram defeito em tudo e, assim, escolhem reclamar. Com o passar do tempo, tornam-se cínicas e pessimistas. Elas não experimentam a glória ou o poder do Senhor, porque não esperam coisa algumas dEle.

Paulo e silas poderiam, facilmente, ter-se tornado cínicos e pessimistas na cela daquela prisão, perdido seu foco e se tornado amargos contra o Altíssimo e outras pessoas. Eles poderiam ter duvidado do amor do Senhor por eles, de Sua habilidade e vontade de libertá-los, e ter questionado: "Deus por que permitiu que isso acontecesse? Estávamos servindo a Ti e pregando o Evangelho". Eles no entanto, não fizeram isso! No meio da noite, na hora mais escura, elevaram a voz, oraram e louvaram o Pai celestial. Eles não deram lugar ao pânico, aos problemas nem ao pessimismo!


PESSIMISMO: A DÚVIDA EM AÇÃO

Esses servos de Deus poderiam ter culpado um ao outro (um pessimista quase sempre tentará culpar outra pessoa por seus problemas). Talvez, Silas dissesse algo como: "Paulo, você me colocou nessa encrenca. Essa viagem foi ideia sua, e você me convenceu a vir".
O apóstolo poderia ter dito: "Bem, Silas, se você tivesse ficado de guarda como tínhamos combinado, talvez os tivesse vistos e poderíamos ter escapado".
Se Paulo e Silas tivessem culpado um ao outro, isso teria causado divisão entre eles. O pessimismo dá lugar ao diabo, e,  quando você deixa isso acontecer, o inimigo se aproveita para causar-lhe mais problemas e mantê-lo preso na escuridão.

O pessimismo é o oposto da fé: 
é a dúvida em ação!
A pessoa que é negativa tem a seguinte atitude: 
"Não acredito que o Altíssimo realmente fará isso". 
Mas aquela que caminha pela fé diz:
 "Creio no fato de que Deus pode e fará isso por mim!
 Acredito ter recebido minha resposta: eu a tenho agora".
 Não há como exercitar  fé e ser pessimista ao mesmo tempo!


PRÓXIMO POST:
A MAIOR RAZÃO DE TODAS PARA SER OTIMISTA
x_3e1c66cc photo x_3e1c66cc_zps06a001ac.gif



terça-feira, 19 de novembro de 2013

NÃO FIQUE PENSANDO NOS PROBLEMAS!!!



Frequentemente, as pessoas se focam nas imperfeições da vida. 
Elas fixam no lado negativo ao invés do lado positivo - naquilo que não têm em vez daquilo que elas têm.

Ninguém está livre de problemas, mas não precisamos concentrar-nos neles. Este mundo não é perfeito, e as pessoas não são perfeitas. O único perfeito que viveu nesse mundo foi crucificado. Mas graças a Deus pela perfeição de Jesus, porque é por meio dela que temos vida abundante (João 10. 10). Mediante Sua morte, Seu sepultamento, Sua ressurreição, fomos redimidos e libertos das cadeias do pecado. 
Graças à Sua perfeição, temos promessa de um futuro positivo.



É UMA QUESTÃO DE FOCO

Você não precisa permitir que os problemas o desviem da bondade de Deus.  Uma dificuldade não tem valor se estiver separada do poder do Altíssimo. Quando deixamos de orar ao Senhor ou adorá-lO, permitimos que o negativismo mine nossa fé, levando-nos a perder o foco no Altíssimo e em Sua Palavra.
No entanto, o ponto é: nada pode separá-lo de Deus a menos que você o permita!
Não temos de evidenciar as imperfeições e os problemas, em vez disso, devemos concentrar-nos nas perfeições do Senhor.
Nossas imperfeições vão desaparecendo de nossas consciências quando fixamos a atenção na perfeição do Altíssimo.
Há alguns anos, frequentemente entoávamos uma canção cujo o nome era:  Volve os olhos a Cristo.
 A letra da música dizia: 
Volve os olhos a Cristo! 
Contempla Sua face de amor!
 Fruirás na luta terrestre! 
Maravilhas do Seu doce amor.

Não tem como olhar para Jesus e continuar concentrado em todos os problemas ao seu redor.
Quando você passa a focalizar o Senhor e Seu poder, em comparação, todo o resto perde o brilho.
Essa é uma questão de foco. Deveríamos concentrar-nos na redenção, não na destruição, e no livramento, em vez de no aprisionamento. Nosso ponto central deveria ser a alegria, e não a tristeza e infelicidade. Temos de nos ater à paz, em vez de nos fixarmos na confusão.
Em relação à nossa fé, sabe o motivo de nos "atolarmos na lama" e trabalharmos inutilmente de vez em quando?
Porque desviamos nosso foco do Senhor. Perdemos de vista o fato de que o Criador é maior que o problema que temos e pode libertar-nos, pois Ele é capaz! Ainda assim, com que frequência, em meio às provações, perguntamos:
 "Oh, Deus, o que faremos agora?"

Quando você estiver frente a frente com uma provação, será de grande ajuda declarar em alta voz: "Deus é maior do que o meu problema!". Se você se firmar nessa verdade simples, ela mudará seu foco com relação à dificuldade para sua resposta e no que diz respeito ao negativo e positivo, de acordo com a Palavra.

Paulo e Silas começaram a adorar o Senhor, e isso os ajudou a se manterem conscientes de Deus em vez de pensarem nos problemas. Quando você se encontra em meio a uma tempestade ou aprisionado às circunstância, precisa manter-se consciente do Pai. Se não agir assim, ficará ciente apenas dos problemas e da derrota.



A LIBERTAÇÃO ESTÁ CHEGANDO!

A melhor atitude que você pode tomar quando estiver vencendo o diabo e os problemas é manter a Palavra sempre à sua frente. destaque isso e louve o Senhor, continuamente, pela existência das Escrituras. 
Ouça músicas cristãs de qualidade, especialmente as que falam sobre livramento que acontece por meio do sangue precioso de Jesus.

Nossa libertação está no sangue do Cordeiro de Deus. A Bíblia declara que sem derramamento de sangue não há remissão [de pecados] (Hb 9. 22b). Com relação ao Senhor, um derradeiro Cordeiro foi sacrificado na cruz. Até a crucificação de Jesus, muitos cordeiros haviam sido oferecidos para expiação dos pecados das pessoas. Todos os anos, os judeus tinham de matar um cordeiro como expiação de suas iniquidades.

Contudo, Jesus Cristo, o Cordeiro que foi morto desde a fundação do mundo (Ap 13. 8b), derramou Seu sangue no Gólgota; por isso, não necessitamos mais de nenhum outro sangue para recebermos a remissão dos pecados. Tudo o que temos de fazer é acreditar em Jesus Cristo e confessá-lO como nosso Senhor e Salvador; com isso, entramos na redenção que Ele preparou para nós. Não há nada mais positivo do que receber a revelação do plano da redenção. 
Jesus é digno do nosso louvor!

Amigo(a), isso significa que, em Cristo você é livre!
O diabo pode pensar que o tem aprisionado - e em alguns momentos até você ache que ele o mantém preso -, mas você é livre e pode louvar o Senhor e confiar a Ele sua aflição.

PRÓXIMO POST:
Não sejas um pessimista!
[Mensagem imperdível]


x_3e1c66cc photo x_3e1c66cc_zps06a001ac.gif



segunda-feira, 11 de novembro de 2013

NÃO ENTRE EM PÂNICO !!!


Quando as situações difíceis surgirem, não entre em pânico! 
Em vez disso, louve.
  
Você pode pensar: "É fácil louvar o Senhor quando tudo está bem, mas as coisas nem sempre saem do nosso jeito ou da maneira que esperamos. Então, como louvar o Altíssimo nas adversidades!".

Um cristão é capaz de enxergar os problemas sob a perspectiva de Jesus: Ele venceu o mundo, e o fez para nós! Se nos firmarmos nessa verdade e agirmos de acordo com ela, resistiremos ao ímpeto de entrar em pânico. Podemos ter bom ânimo ao nos direcionarmos a Deus em louvor.

Creio que Paulo e Silas tiveram de lutar contra o impulso de entrar em situação de pavor quando perceberam que estavam trancafiados na prisão. Naquele tempo, o diabo não era diferente do que é hoje. Tenho certeza de que ele lhes disse palavras negativas, tais como: "Está tudo acabado agora; eles tirarão vocês daqui, pela manhã, e irão matá-los; vocês jamais sairão com vida".

Imagine, por um momento, como era a cela daquela prisão. Visualize as quatro paredes fechando-se ao redor daqueles homens. Pense na escuridão densa e úmida e no fedor de dejetos humanos que os rodeava. Ouça os gemidos dos outros prisioneiros que também haviam sido açoitados. 

Tenho certeza de que Paulo e silas não estavam sentindo bom ânimo. Estou certa de que eles não tinham vontade de louvar o Pai celeste. Encontravam-se lá sentados, aprisionados e machucados - com uma dor excruciante - sem qualquer esperança de escapar. No entanto,  notamos que Paulo e Silas saíram vitoriosos da situação: alcançaram o poder sobrenatural de Deus por meio do louvor.


O PODER DO AMOR

Nada do que estiver vivendo diminuirá o amor de Deus por você. Se confiar na Palavra do Senhor sobre Seu amor, passará a adorá-LO e encontrará libertação, pois nesse sentimento divino, está o poder para qualquer superação!

 Quem nos separará do amor de Cristo? A tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada? 
Mas em todas estas coisas somos mais do que vencedores, por aquele que nos amou. 
Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem os anjos, nem os principados, nem as potestades, nem o presente, nem o porvir, 

Nem a altura, nem a profundidade, nem alguma outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor. 
ROMANOS 8.  35, 37- 39

 Seja qual for a adversidade que enfrentemos - doença, falta de dinheiro, perseguição, conflitos nos relacionamentos, dentre outras -,  em todas estas coisas, não somos apenas vencedores, mas somos mais do que vencedores!
Aquele que nem mesmo a seu próprio Filho poupou, antes o entregou por todos nós, como nos não dará também com ele todas as coisas? 
Romanos 8. 32

Da mesma maneira que Deus não poupou Seu próprio Filho que morreu na cruz do Calvário, você acha que Ele iria negar-nos qualquer outra coisa boa? Não, mil vezes não! O Altíssimo foi tão longe ao dar Seu único Filho (João 3. 16) para nossa restauração e nosso livramento, que você pode descansar na certeza de que Ele quer livrá-lo de suas provações!

Então, nunca entre em pânico! 
Deus olhará por você. Agora, analisemos o próximo ponto a respeito do louvor:


Próximo Post:
NÃO FIQUE PENSANDO NOS PROBLEMAS

x_3e1c66cc photo x_3e1c66cc_zps06a001ac.gif



Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...