quarta-feira, 7 de novembro de 2012

O DOM DA FÉ


O QUE É O DOM DA FÉ?
O dom da fé é o primeiro dos três dons de poder, e é o maior dos três.

QUAIS SÃO OS DONS DE PODER?
Eles são os dons da fé, de maravilhas e curas.

OS DONS DE CURA VÊM ANTES DA OPERAÇÃO DE MARAVILHAS EM IMPORTÂNCIA?
Não. Em I Coríntios 12. 28, a sequência é dada em ordem de importância, 
e aqui encontramos as maravilhas precedendo as curas.

O DOM DA FÉ É OUTRO TIPO DE FÉ E DIFERE DAQUELE QUE SALVA A ALMA?
Sim, definitivamente. O da fé é um dom sobrenatural do Espírito e é recebido após apessoa ter sido salva.

SERÁ QUE ELE ESTÁ, EM ALGUM SENTIDO, LIGADO À FÉ MENCIONADA COMO FRUTO DO ESPÍRITO?
Não, é completamente diferente. Fruto cresce, e fé, como fruto do Espírito, está sempre amadurecendo em nossa experiência espiritual. Um dom pode vir repentina e completamente. Ouvimos, com frequência, uma pessoa falar livre e espontaneamente em outras línguas logo depois recebê-lo, por isso o dom da fé pode funcionar livremente desde o início.

O DOM DA FÉ É NECESSÁRIA PARA OPERAR MILAGRES?
De forma alguma. Cada dom do Espírito opera independentemente, como as velas do castiçal são separadas e distintas umas das outras. É verdade, contudo, que a fé é necessária para a operação de todos os dons, mas essa fé não é o dom da fé.

ALGUNS TÊM SUGERIDO QUE NECESSITAMOS DO DOM DA FÉ ANTES QUE QUALQUER DOM DO ESPÍRITO POSSA OPERAR. ISSO PROCEDE?
Se fosse assim, então, o dom da fé seria subserviente a todos ops dons. Na realidade, um dom não é, como já tínhamos dito, dependente de outro em sua fonte e operação essencial. Todos eles são separados e distintos de maneira que não devemos considerar o dom da fé em qualquer sentido ligado aos outros dons do Espírito. Os três dons de poder (dom da fé, operação de maravilhas e dons de cura), assim como os de expressão, podem funcionar juntos ou separadamente.

COMO SE DEVE RESUMIR O DOM DA FÉ?
Diríamos que o dom da fé é uma operação sobrenatural do Espírito Santo na experiência do possuidor, a qual o habilita a sustentar uma firme confiança em Deus para sua proteção individual e provisão de suas necessidades.

O DOM TEM OUTRAS UTILIZAÇÕES?
Parece que, em alguns casos muito excepcionais, ele habilita a pessoa a confiar em Deus para ser arrebatado, por exemplo, como ocorreu com Filipe, após ter conduzido o eunuco ao Senhor (At 8. 39), Elias (II Rs 2. 1) e Enoque (Gn 5.24), que foram levados ao Céu, ou pode ser usado para a manifestação de alguma benção especial sobre alguém.

PODE A PROVISÃO DA NECESSIDADE DE ALGUÉM PELO DOM DA FÉ SER ILUSTRADA POR MEIO DAS ESCRITURAS?
Sim. Elias, após prever a vinda do julgamento para o ímpio rei Acabe, recebeu a ordem de ir e se esconder junto ao ribeiro de Querite (I Rs 17. 3), e lá os corvos iriam alimentá-lo. Ele precisaria de uma fé extraordinária para receber essa surpreendente palavra vinda de Deus, uma fé especial, pois ele estava para ser alimentado por aves vorazes pela manhã e à noite. Ele nada poderia fazer por si mesmo, mas tinha simplesmente de crer na Palavra. Essa confiança sobrenatural na Escritura iria abastecê-lo com a comida necessária. A fé dessa natureza é dom divino.

EXISTE O EXEMPLO DE ALGUÉM SENDO PROTEGIDO DO PERIGO?
Daniel foi protegido na cova dos leões durante uma noite inteira - sua fé fechou a boca daqueles animais (Dn 6). Pode ser que alguém argumente que um anjo fechou a boca dos leões e, portanto, a fé seria desnecessária. De fato, quando anjos são enviados para ajudar os homens, eles vêm em resposta a uma fé a qual Deus deu à pessoa como dom.
Existe também o exemplo de Jonas (Jn 1. 17), que por três dias, foi mantido vivo nas entranhas de um peixe e, finalmente, trazido a terra para ser vomitado.

COMO O DOM DA FÉ OPERA?
Sim, temos o caso de Sadraque, Mesaque e Abede-Nego, que, pela fé, foram guardados da fúria das chamas do forno. Nesse caso, a proteção foi tão perfeita, e tão satisfatória a condição, que eles precisariam ser chamados pelo rei para deixar o forno, pois alguém semelhante ao Filho de Deus estava com eles (Dn 3. 25).

QUE EXEMPLOS PODEM SER DESTACADOS DA UTILIZAÇÃO DO DOM DA FÉ NA BÊNÇÃO?
Isaque impôs as mãos sobre Jacó, e a poderosa bênção de Melquisedeque 
concedida a Abraão para Isaque, foi concedida a Jacó pelo dom da fé. Eli, o sacerdote, também abençoou a amargurada Ana (I Sm 1. 17), sobre que ele tinha-se enganado achando que estava bêbada. Quando ele descobriu a causa de sua tristeza, pronunciou a bênção que operou um milagre na vida dela.

COMO ESSE DOM GLORIFICA A DEUS?
Visto que qualquer tipo de fé agrada a Deus, o dom da fé deve particularmente agradar a Ele. Por meio desse dom, podemos vencer os poderes e as forças que nos opõem; sejam naturais, como as chamas do forno, ou humanas, como os perseguidores que colocam nossa vida em perigo, ou ainda, demoníaca. Demônios são expulsos, e as bênçãos do Céu, derramadas. Deus é glorificado uma vez que tudo é feito em Nome de Jesus.

ESSE DOM PODE OPERAR EM ALGUÉM EM ESTADO DE APOSTASIA?
 A pergunta se aplicaria a todos os dons. Geralmente aceita-se que qualquer dom tenha condições de operar, até um certo grau, em uma pessoa em apostasia, contanto que não tenha negado o Senhor. Deve ser lembrado, todavia, que ela corre o risco de perder o exercício do dom inteiramente se continuar nesse estado.

PODERIA EXEMPLIFICAR?
Facilmente. O profeta Jonas tinha-se rebelado contra a ordenança do Senhor quando foi para Társis em vez de ir para Nínive (Jn 1. 3), no entanto, foi capaz de exercitar esse dom. Quando estava nas entranhas do peixe, disse: Tornarei a ver o templo da tua santidade (Jn 2 4c). O dom da fé foi exercitado mesmo quando ele estava fora da vontade de Deus.

ENTÃO, A ESTRITA OBEDIÊNCIA NÃO É CONDICIONAL?
Não há nada melhor ou mais seguro do que a absoluta e estrita obediência a todos os mandamentos de Deus, mas, como os dons e a chamada divina são sem arrependimento, uma pessoa pode continuar a exercitar seu dom, uma vez que o Altíssimo não Se arrepende de tê-lo concedido, mesmo que ele esteja em apostasia. O grave perigo é o fato de a pessoa fazer mau uso do dom na sua condição apóstata e desonrar o Senhor.

A FÉ MENCIONADA EM HEBREUS 11 É O DOM DA FÉ?
A fé, a partir de vários aspectos, é tratada nesse capítulo.
Há diversos exemplos desse dom sendo exercitado, mas o termo fé, como utilizado no capítulo, é geral.

JESUS SE REFERIU AO DOM DA FÉ QUANDO DISSE: SE TIVERDES FÉ COMO UM GRÃO DE MOSTARDA, DIREIS A ESTE MONTE: PASSA DAQUI PARA ACOLÁ - E HÁ DE PASSAR; E NADA VOS SERÁ IMPOSSÍVEL (Mt 17. 20c)?
Não, dificilmente seria o dom da fé, mas o de operação de maravilhas, como estudaremos adiante. A operação de maravilhas é um dom ativo, executa o miraculoso; o dom da fé é passivo, recebe o miraculoso.

PODERIA ESCLARECER MELHOR ESSE PONTO?
Ao ser lançado na cova dos leões, Daniel recebeu a proteção divina. Esse é o dom da fé funcionando de forma passiva. Quando Sansão, de fato, segurou o leão eo fendeu de alto a baixo (Jz 14. 6), ele manifestou ativamente o poder de Deus, que seria a operação de maravilhas. Entaõ, pelo dom da fé, confiamos no Senhor para trabalhar milagrosamente por nós. Pela operação de maravilhas confiamos nEle para trabalhar de forma sobrenatural por nosso intermédio.


NO EXEMPLO DE ELIAS SENDO ALIMENTADO PELOS CORVOS, ELE DEVE TER PEDIDO FÉ PARA RECEBER A PROVISÃO?
Sim, isso mesmo. Seria outra manifestação do dom da fé, uma vez que ele não fez esforço para satisfazer as próprias necessidades.

HÁ UMA GRANDE DIFERENÇA ENTRE O FRUTO DA FÉ E O DOM DA FÉ?
A fé como fruto é uma atitude da mente digna de confiança, que faz parte da vida santificada, assim como a alegria, a paz etc. A atitude da mente é exatamente oposta à mente cética, que se recusa a crer em qualquer coisa que Deus diga. Lembre-se de que, no dom da fé, o elemento de perigo é, muitas vezes, necessário para operar. Existem poucas manifestações do dom da fé sem o elemento de perigo, exceto em situações nas quais inunda, em sua sagrada plenitude, os que o buscam e concede-lhe bênçãos.

PODERIA ESTENDER-SE SOBRE O ELEMENTO DE PERIGO ASSOCIADO AO DOM DA FÉ?
Certamente. Considere estes exemplos: Daniel na cova dos leões; Sadraque, Mesaque e Abede-Nego no forno; Elias sendo alimentado por corvos; Jonas dentro do peixe; sem o dom da fé, a morte teria inevitavelmente ocorrido. Esse dom manifestou um triunfo sobre o perigo. Não há tal elemento de perigo na fé como fruto do Espírito.

CONFIAR EM DEUS PARA OBTER A PROVISÃO DE NECESSIDADES É SEMPRE UMA MANIFESTAÇÃO DO DOM DA FÉ?
Se a confiança para receber a provisão for tanta, a ponto de a pessoa morrer de fome se o suprimento faltar, então o elemento de perigo exigirá mais do que uma fé ordinária e deverá ser classificada como dom da fé. O fruto da fé é a disposição para aceitar a Palavra de Deus, o que é um desenvolvimento normal da vida do Senhor dentro do coração do cristão.



PRÓXIMO POST:
O DOM DA FÉ
Perguntas e Respostas
Parte 2

x_3cebcff8


32 comentários:

  1. INTERESANTE Y COMPLETA ENTRADA.GRACIAS

    ResponderExcluir
  2. Olá minha querida, que benção! Vi o comentário sobre o prêmio, não tem problema, eu indiquei porque o selinho, representava um reconhecimento pelo conteúdo do blog,eu sei que tudo é Deus, nossos dons e talentos. Mas está tudo na paz! Beijos! Fernanda Oliveira

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que você entendeu!!!

      Na paz e no amor do Senhor Jesus Cristo.

      ***Lucy***

      Excluir
  3. Olá Lucy,
    Sempre trabalhando em prol do Reino de Deus e dos irmãos em Cristo, que Deus abençoe pelo seu esforço. Grande abraço.
    www.oucaapalavradosenhor.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O Evangelho de Cristo é assim, simples e descomplicado.
      O nosso trabalho não é vão; as mensagens (estudos) postados são para abençoar aos visitantes, irmãos e edificar o Corpo de Cristo, tendo o propósito de iluminar os olhos do coração, trazendo entendimento e temor. Quanto ao esforço, o mesmo torna-se em regozijo, pois é o amor de Jesus e o Espírito Santo, que habita em mim e em você sobremaneira, que operam todas as coisas.
      Toda honra e toda glória ao Senhor Jesus!

      Excluir
  4. Desejo que seu fim de semana seja iluminado por harmonia e saúde para todos do seu lar e amigos do blog,
    Bj
    Nicinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Agradeço o comentário, e saiba que a recíproca é verdadeira.
      Gosto muito de recebê-la no meu cantinho.

      Excluir
  5. A paz do Senhor irmãos. Atendendo a indicações, lhe indicamos também ao Prêmio Dardos. Se aceitarem, às instruções estão em nosso Blog:

    http://www.luisdornelesdeoliveira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Prezado irmão Luis Dorneles

      Agradeço a indicação, no entanto, gostaria que o irmão não se ofendesse com a minha não aceitação do prêmio, é que eu de mim mesmo, não sou nada para receber este prêmio, tudo é dádiva do Espírito Santo que habita em nós (em mim e em você). Portanto, retribuirei o seu imenso carinho, divulgando sua página no meu espaço.
      Espero com este ato, demonstrar o que Cristo nos ensinou:
      Amai-vos uns aos outros como eu vos amei!

      Grata pela indicação e pelo amor demonstrado.
      Afetuosamente,
      Em Cristo,

      ***Lucy**

      Excluir
  6. Boa noite!

    Fiquei emocionada e feliz ao receber tua visita tão importante em meu modesto espaço.

    Mais emocionada estou em conhecer seu trabalho abençoado neste espaço.
    Como é maravilhoso ouvir a palavra de Deus.
    Assim...de uma maneira simples, especial.
    Estou me sentindo muito bem em estar aqui.
    Vou te seguir para melhor acompanhar teu trabalho tão especial. tenha uma boa noite.
    beijos
    vera portelal

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querida irmã,

      Faça desse espaço sua segunda casa, será uma alegria recebê-la... sempre...
      O meu desejo e oração é que este estudo traga entendimento a respeito dos dons espirituais, pois, o Evangelho de Cristo é simples e descomplicado!

      Afetuosamente,

      ***Lucy***

      Excluir
  7. Final PD
    Amém. Respeitamos a sua condição, pois sabemos que espiritualmente isto nada representa. No entanto, vou lhes contar uma pequena história: Há algum tempo atrás um respeitável ancião (presbítero) da igreja corrigiu-me sobre o assunto dizendo: Nós devemos ter alegria nas pequenas coisas, mas a honra e a glória deve ser dada a Cristo, senão nos tornaria pessoas vazias e sem alegria.

    "Eis aqui o que eu vi, uma boa e bela coisa: comer e beber, e gozar cada um do bem de todo o seu trabalho, em que trabalhou debaixo do sol, todos os dias de vida que Deus lhe deu, porque esta é a sua porção." (Eclesiastes 5 : 18)

    "E a todo o homem, a quem Deus deu riquezas e bens, e lhe deu poder para delas comer e tomar a sua porção, e gozar do seu trabalho, isto é dom de Deus." (Eclesiastes 5 : 19)

    Se nós tivermos alegres com os frutos do nosso trabalho, então para que trabalhar? Sem contar as pessoas que tão gentilmente vem a nós com tão pequenas coisas e ás desprezamos? Uma coisa é certa: nunca devemos deixar subir ao coração a soberba e o orgulho; e se isto iria assim fazer, cortamos os laços de pronto, no silêncio em nós mesmos.

    Que o Senhor lhe abençoe e guarde junto aos demais familiares por todos os dias de suas vidas.

    ResponderExcluir
  8. Irmão Luis Dorneles,

    Posso até entender parte do seu comentário, apesar de achar um tanto agressivo.

    Contudo, me reservo ao direito de receber alegrias e recompensas no meu espírito pela genuína fonte de galardões, que é o Senhor Jesus na pessoa do Espírito Santo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Perdão querida irmã.

      Não tive a intenção! Vou ter mais cuidado e um maior em Cristo por todos vós. Talvez não tenha tido o zelo de reler o texto com carinho, mas o que me referi são aqueles que vem a nós para encher o nosso ego como arrebentou, você foi demais, e outras coisas mais, dai cortamos os laços neste sentido de pronto, dizendo neste caso que a honra e a glória pertencem ao Senhor Jesus e pronto.

      Fica na paz. Não precisa responder; Deus a abençoe e mais uma vez nos perdoe do texto sem o seu contexto no todo.

      Excluir
    2. Outra coisa: Senti de Deus de retirar do blog todo o post sobre Dardos, bem como o Selo em questão.

      Um ósculo santo no seu coração.

      Excluir
  9. Obrigado por acessar meu blog!
    Saudações da Grécia

    ResponderExcluir
  10. Oi amiga, ótimo post, a fé deve caminhar ao nosso lado. Tenha uma ótima semana, bjs...

    ResponderExcluir
  11. Bom dia minha irmã, obrigada por sua visita e seu comentário no meu blog e suas sugestões de blogs. Muito obrigada por sua palavras. O seu blog também é incrível e depois de conhecê-lo me senti elogiada. Gostei tanto que já sou seguidora. Abraços amiga e seu blog é DEZ e também muito edificante! Vou inclui-lo na minha lista de blos. Tenha uma abençoada semana. E fique na paz!

    ResponderExcluir
  12. Ola minha flor vim lhe desejar uma linda semana...beijocas.

    ResponderExcluir
  13. Provérbios 8:17 Eu amo os que me amam; os que me procuram me acham.

    Deuteronômio 5:10 e faço misericórdia até mil gerações daqueles que me amam e guardam os meus mandamentos.

    Nos amamos o Senhor Jesus, pois ele é a nossa segurança, o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente na hora da angústia!
    Um beijo no coração irmã Lucy.

    ResponderExcluir
  14. Gostei muito de receber sua visita no "Vivendo com Deus e Para Deus". Vim retribuir e agradecer, Deus abençoe pelo acróstico que a irmã me deixou. Sempre estarei por aqui. Um bonito espaço. e o Título não poderia ser melhor. Vou entrar e participar dos links que a irmã deixou no meu blog.
    Um abraço. Deus abençoe.

    ResponderExcluir
  15. Amada, escreva mais, estamos com saudades de seus escritos....
    Bjs
    Nicinha

    ResponderExcluir
  16. Oi, Lucy, vim aqui te visitar e agradecer a mensagem
    já postei em meu blog. Abçs e muito sucesso prá vc.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lucy, voltei aqui para agradecer sua doce visita, e pelas ricas palavras no comentário q deixou em meu blog. Só q ocorreu um problema qd tentei divulgar um site o Missões portas abertas e a minha ultima postagem ficou oculta. Só aparecia divulgue e nenhuma postagem. Como fiz uma nova postagem se possível volta lá e deixe um comentário. Pois seu comentário é muito importante para mim. bj. Obrigada amiga.

      Excluir
    2. Lucy vc é 10. Agradeço a atenção e por ter vc. entre meus amigos virtuais vc e especial está sempre dando atenção e expressando carinho.
      O q eu considero o sorriso de Deus para mim.
      que Deus continue abençoando sua vida no amor de Cristo Jesus. Quero q tmb conheça meu novo blog. Pedaços de mim. Abçs com carinho. Nal

      Excluir
  17. Bela postagem edificante e esclarecedora.
    Gostaria também de lhe informar que te indiquei para receber o Premio Dardos..um grande abraço
    BARNABELAS
    ANDRÉA

    ResponderExcluir
  18. gracias por tus bendiciones. Desde el confín del mundo te envío las mías.

    Un abrazo!!

    ResponderExcluir
  19. Sem fé não tem como prosseguirmos neste mundo tumultuado.
    Linda postagem.Bjs

    ResponderExcluir
  20. graça e paz seja contigo irmã! quero te agradecer pela visita em meu blog, e pelo lindo comentario! volte sempre!!! muito obrigado. seu blog é uma benção

    ResponderExcluir
  21. Olá Lucy,ameeeeeeeeeei sua visitinha no meu blog,belo acróstico!!!Obrigada pelo carinho!
    j´s estou te seguindo também!
    Lindo seu cantinho!!!
    Que A Paz de Cristo continue contigo!
    Beijos!!!
    Ione Viana

    ResponderExcluir

Não serão publicados comentários com os seguintes conteúdos:
- Palavrões;
- Ofensas;
Fique na Paz!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...